Sem previsão as obras de conclusão de trevo.

Por Daniela Trombeta Dias.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/mat5.jpgHá cinco meses o trecho que liga os municípios de Santa Fé e Três Fronteiras está em obras e, a previsão de que seria inaugurado no próximo mês já não é mais confirmada.

A obra é feita pela Empresa Engenharia e Comércio Bandeirantes e, segundo o engenheiro responsável Marlos Franco Bernardi, a intenção era terminá-la até o final do ano, desde que as desapropriações das propriedades rurais fossem feitas em tempo hábil.

“Porém por vários motivos as obras ainda estão em execução andamento como, por exemplo, ainda há uma propriedade na qual não temos permissão para nela entrar; a instabilidade do tempo com chuvas frequentes também atrasam os serviços e, por isso, a data que prevíamos como sendo 8 de fevereiro já é considerada inviável. Em vista disso, vamos pedir a prorrogação do prazo na próximo semana, seja de 30 ou 60 dias, vai depender do DER-Departamento de Estradas e Rodagens-”, informou ele.

Está pronto

Marlos relatou que apenas as obras do trevo e rotatória é que são a parte final e o restante já está pronto. “Já finalizamos o acesso da via, a ciclovia, o acostamento, a terceira faixa e ainda as sinalizações, drenagem e grama”.

Informou ele ainda que a questão da negociação das desapropriações ficou por conta da Prefeitura Municipal de Santa Fé que atualmente está resolvendo a situação da última propriedade.

No total foram três propriedades desapropriadas, aproximadamente 3.730 metros quadrados. “Agora as obras estão concentradas no trevo e a expectativa é que tudo seja entregue até abril”, finalizou.

Inicialmente as autoridades políticas pleiteavam uma duplicação, porém o projeto é de uma melhoria na pista da vicinal com ciclovia e faixa adicional. Em contato com o assessor de governo da Prefeitura de Santa Fé, Neto Guimarães, o mesmo informou que está formalizando o acordo com o dono da propriedade rural que ainda resta desapropriar e a área provavelmente será liberada na próxima semana.

As melhorias na Vicinal Prefeito Aloísio Silva Nascimento têm o custo de R$ 6,5 milhões e são extremamente benéficas, pois aquela via já foi local constante de acidentes, visto que diariamente muitas pessoas transitam pelo local. Era uma estrada que, apesar de asfaltada, não possuía acostamento, oferecendo grandes riscos a motociclistas, ciclistas, pedestres e ainda pessoas que transitam pelo local com carrinho de tração animal.

https://lh5.googleusercontent.com/-YM4jyG7PkkI/T3hihan_jfI/AAAAAAAAG-M/EHBKXwp-OXU/s127/Fonte%2520noticias4.JPG

Bookmark and Share