Saiba o que pretendem os vereadores eleitos para 2013-2016.

Por Daniela Trombeta Dias

No início da campanha, 105 moradores de Santa Fé foram registrados pelo TSE-Tribunal Superior Eleitoral- para concorrer às nove vagas para o cargo de vereador.

Desses, quatro tiveram a candidatura indeferida e dois renunciaram, sobrando então 99 candidatos.
Segundo a lei, 1/3 das vagas para os cargos deve pertencer a outro sexo, no caso as mulheres, mas antigamente não era necessário que a porcentagem fosse completada. Entretanto, nesta eleição foi decidido que o terço competia não ao número de vagas, mas ao número de candidatos do outro sexo.

Em Santa Fé 33 mulheres se candidataram ao cargo, porém apenas Bel Yoshida foi eleita.

Pelo que se viu a maioria das candidatas não se empenhou realmente nas campanhas, visto que apenas registraram a candidatura devido à obrigatoriedade das vagas serem para o sexo feminino.

A reportagem entrevistou os vereadores eleitos que, além de agradecerem, também exemplificaram como desejam trabalhar na Câmara Municipal de 2013 a 2016.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia15.jpgWagner Aparecido Hernandes, 1.168 votos, motorista- transporta pacientes para o Hospital do Câncer de Jales e Hospital de Base de São José do Rio Preto, 36 anos, casado com Silvana Matos da Costa, pai de Letícia Hernandes, de 12 anos, Renan Hernandes, de 10 anos, João Pedro Hernandes da Costa, de 6 anos, e Isabeli Hernandes da Costa, de 3 anos”.

“Foi a primeira vez que me candidatei. Esperava ser eleito, mas fiquei surpreso com a quantidade de votos. Durante toda a campanha estive feliz, pois fui muito bem recebido em todos os locais que visitei, porque as pessoas me viam muito mais como amigo do que como político. Atribuo essa grande quantidade de votos ao meu trabalho, pois lido com muita gente e respeito a todos, principalmente porque estou na área da saúde e as pessoas esperam ser bem tratadas e atendidas com todo o respeito e atenção. Acredito que o início de um tratamento de saúde se dá desde que o paciente agenda sua passagem para o hospital e espera que faça uma boa viagem e seja tratado com respeito. Agradeço aos amigos, familiares e seus pacientes que votaram em mim, pois soube de pessoas que votaram em mim sem mesmo me conhecer. Quero, juntamente com os outros vereadores eleitos, lutar pela saúde, por mais casas, transporte e projetos que beneficiem toda a população”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia14.jpgEvandro Farias Mura, 873 votos, advogado, 34 anos, casado com Elaine Regina Pereira Zolin Mura. Conselheiro tutelar de 2009 a 2011.
“Sou advogado há 11 anos, e nos últimos três anos fui conselheiro tutelar e com base nesse trabalho é que foi construída minha campanha, pois conheci pessoas, a necessidade da população e a realidade da nossa cidade. Com essa experiência, pretendo trabalhar em prol da população em todas as áreas. Quero dizer que mesmo tendo sido eleito como candidato da oposição, vou trabalhar para o povo como um todo, visando o melhor para Santa Fé”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia13.jpgRonaldo Eugênio de Lima, 700 votos, professor de Educação Física, 29 anos, casado com Gabriela Sayuri Ronda dos Santos Lima, pai de Anna Letícia, de 2 anos. Trabalha no Nas-Núcleo de Apoio de Saúde da Família-.
“Sempre fui filiado ao Partido Democrata. Na eleição anterior me candidatei e tive 265 votos, mas não me elegi. Desta vez fiquei surpreso com a quantidade de votos, pois fiz uma campanha humilde, mas acredito que o resultado foi e é reflexo do trabalho que desenvolvo na área da saúde como o Proi-Programa de Redução de Obesidade Infantil-, o Grupo de Apoio de Atividade Física da 3º Idade e o Grupo de Hipertensos e Diabéticos-. Agradeço a todos que me receberam em suas residências e que confiaram em mim, e podem ter a certeza de que vou honrar os 700 votos que recebi, trabalhando com programas de prevenção da obesidade infantil, valorizando os funcionários públicos, elaborando projetos, incentivando a cultura, o lazer, e apoiando projetos de interesse da população”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia12.jpgLeandro Mesquita Magoga, 655 votos, funcionário público municipal, 35 anos, solteiro, formado em técnica mecânica projetista.

“Minha campanha foi feita através de visitas às pessoas, na sola do sapato mesmo, sem muita publicidade com placas ou mídia volante. Quando conversava com os moradores, fazia questão de enfatizar que não queria prometer nada, além da vontade de trabalhar e ajudar a população. Muitos vereadores se escondem depois de eleitos porque não dão conta de cumprir o que prometeram e não cumprem porque prometeram o que não é de sua competência, ou seja, não depende da Câmara, mas sim, muitas vezes, do governo, e é por isso que quero trabalhar honestamente e claramente pelo bem de todos. Quero agradecer quem votou em mim e dizer que estou aberto a receber as pessoas com novas ideias.”

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia11.jpgFábio dos Reis Vicenzi, 40 anos, 555 votos, comerciante, casado com Flávia Andreza Zanettoni dos Reis Vicenzi, pai de Gustavo Zanettoni dos Reis Vicenzi, de 11 anos. Foi vereador de 2005-2008, de 2009-2012, sendo presidente da Câmara de 2009-2010.

“Quero agradecer a todos os meus eleitores que manifestaram apoio ao meu nome. Agradeço a todos que não votaram, mas que torceram, assim como minha família e meus amigos. Fico feliz em poder, pela terceira vez, representar o povo de Santa Fé junto ao Poder Legislativo. No próximo mandato, assim como nos outros, quero ser o vereador que sempre fui, com muita dedicação, com o mesmo amor e com muita luta. Quero fazer a diferença na Câmara de Vereadores, sendo um vereador preocupado com o desenvolvimento de nossa cidade, mas, acima de tudo, buscando melhorar a qualidade de vida do povo de Santa Fé. Agradeço especialmente aos funcionários municipais que acreditam em meu nome e a eles posso garantir muita luta para que sejam valorizados a cada dia”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia10.jpgAlcir Gilberto Zaina, 548 votos, cabeleireiro, vereador, 47 anos, casado com Nilza Melo Zaina, pai de Lara Melo Zaina, de 23 anos, e Evandro Melo Zaina, de 20 anos.

“Primeiramente quero agradecer os 548 votos que recebi e dizer obrigado a cada pessoa por ter me apoiado e dado a força necessária. Como na outra campanha na qual também fui eleito, não prometi projetos, mas sim prometi que iria trabalhar e ser parceiro da Administração, representando o povo da melhor maneira possível, e ser reeleito foi a demonstração de que a população aprovou. Quero me dedicar ao máximo nos próximo quatro anos para construir junto com Armando e Elena Rosa para uma Santa Fé melhor, para o funcionalismo público, a educação, saúde, habitação ou seja, trabalhar em prol do bem estar de toda a cidade. Seu Armando será um grande prefeito e não decepcionará a população”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia9.jpgVagner Antonio Pereira Lopes, 447 votos, funcionário público municipal, 52 anos, casado com Claudia Aparecida Mencaroni Lopes, pai de Mateus Mencaroni Lopes, de 17 anos, e Daniel Mencaroni Lopes, de 16 anos. Foi vereador de 1993-1996 e de 2001-2004, secretário de Esportes, diretor de Cultura e diretor de futsal.

“Depois de dois mandatos, estou voltando a Câmara Municipal com muita experiência, seja nas áreas de cultura e esporte, assim como nas outras para as pessoas que necessitam do poder público. Embora esteja no partido de oposição, quero dizer que apoiarei todo o projeto que for beneficiar a população. Discutiremos tudo aquilo que for de interesse do bem comum. A eleição passou e agora permanece apenas um partido chamado Santa Fé do Sul. Agradeço a família santafessulense pela vitória e os votos recebidos”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia8.jpgOrtencio Vieira Ramos Sobrinho, 423 votos, representante comercial, 52 anos, casado com Maria Luiza de Oliveira Ramos, pai de Percival Vieira Ramos, Érica Letícia Ramos, e Estevão Vieira Ramos. Foi coordenador da Pastoral da Sobriedade em nível de paróquia e diocese, coordenador da Pastoral Fé e Política Diocesana, coordenador da Pastoral Social de Santa Fé, fundador e coordenador (8 anos) da Chácara Jerusalém. Foi vereador de 2001 a 2004 e candidato a prefeito em 2004 e 2008.

“Agradeço primeiramente a Deus e depois as pessoas que votaram em mim, me apoiaram e oraram por mim durante a campanha. Também quero parabenizar a todos os candidatos que participaram do pleito eleitoral, oferecendo para a população várias opções. Quero agradecer, de forma especial, a minha família e meus filhos, que me apoiaram em todos os momentos. Nos próximo quatro anos, irei apoiar os conselhos municipais na fiscalização das verbas e qualidade dos serviços prestados, assim como as instituições não governamentais para viabilizar recursos, apoiar o esporte em todas as modalidades, às associações de bairros e as rurais e apoiar projetos na área da habitação, saúde, educação, cultura e lazer”.

http://www.ojornaldesantafedosul.com.br/materia16.jpgIsabel Alves Yoshida, 320 votos, pedagoga, enfermeira, acupunturista, 54 anos, casada com Roberto S. Yoshida, mãe de Alessando R. Yoshida, de 36 anos, Advandro R. Yoshida, de 29 anos e Adma R. Yoshida, de 30 anos.

“Fui candidata na eleição passada, mas, devido a problemas de saúde na minha família, não pude fazer uma campanha com afinco. Mas, desta vez, fiz uma campanha bonita, com o apoio do meu marido e filhos. Resolvi me candidatar a um cargo político porque prezo muito em servir as pessoas. Acredito que viemos ao mundo para servir e que essa é nossa missão. Minha profissão de acupunturista e enfermeira já diz muito de mim porque gosto de trabalhar com gente, lidar com pessoas, e, estando na Câmara Municipal, terei mais facilidade para ajudar mais a população. Gosto de saber que poderei colaborar para aliviar a dor do meu próximo. Meu intuito é, através da Câmara, fazer leis que beneficiem os cidadãos. Sempre fui muito carismática, ‘mãezona’ e sensível ao problema alheio e acredito que, por ser mulher, assim como todas as mulheres, trabalhei também com a emoção, e isso é uma qualidade. Hoje existe uma carência muito grande com relação a uma pessoa para ajudar a outra, ouvir, e nessa questão as mulheres saem à frente por terem mais paciência; essa é a diferença das mulheres. Ofereço a todos minha gratidão pela oportunidade, inclusive meus eleitores do sexo masculino. Quero dizer que trabalharei para todos com seriedade, honestidade e credibilidade”.

https://lh5.googleusercontent.com/-YM4jyG7PkkI/T3hihan_jfI/AAAAAAAAG-M/EHBKXwp-OXU/s127/Fonte%2520noticias4.JPG

Bookmark and Share