Escolas municipais recebem 120 tablets.

Alunos e Professores das Escolas municipais da Estância Turística de Santa Fé do Sul deram mais um passo para era digital; o Governo Municipal por meio da Secretaria de Educação adquiriu 120 tablets.

Os tablets foram comprados com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) no valor de R$ 186.960,00 fazendo parte da primeira licitação e serão distribuídos inicialmente em três escolas.

De acordo com a secretária de Educação as escolas que irão receber os tablets inicialmente são escolas que desenvolvem o projeto Atualiza Professor em parceria com o grupo Assessor Público.

Nossa opinião

Não devemos negar que o uso da tecnologia nas salas de aula é sempre bem vinda para o desenvolvimento dos alunos nas novas áreas. Quem me dera ter essas ferramentas Hi Tech no meu tempo de escola. Quem sabe eu não estaria no Vale do Silício uma hora dessas.

Mas estou com uma pergunta que não quer calar. No que um tablet pode ser útil numa sala de aula? Já é de conhecimento de todos que tem um aparelho desses que seu uso é limitado, sendo usado como um terminal de internet ou para rodar aplicativos de forma geral. Todo isso não substitui um simples computador. Já tento digitar um texto num tablet? Já tentou escrever um script simples num editor de textos, salvar o mesmo, “upar” o arquivo e roda-lo num navegador qualquer, tudo isso num tablete? Até dá para fazer, mas aja paciência para isso.

O que seria mais útil para alunos e mais barato para uma prefeitura?

Vamos supor que eu tivesse a opção de comprar para meus alunos tablets, notebooks ou PCs. Um simples ato de raciocínio me levaria ao PC. Tendo PCs para meus alunos eu teria a opção de ensinar todo o conteúdo educacional convencional somando com o ensino de Hardware e Software, sem falar da gama de dados sobre tudo que existe na internet. A obsolescência desse equipamento pode ser retardada de forma fácil, pois suas peças podem ser trocadas por novas e mais atuais.

Qual o tempo de obsolescência de um tablet? Eu posso abrir um tablet para trocar os componentes por novos? Não mesmo. O que eu posso fazer com um tablet comparado com um PC? Pergunte para alguém que tem os dois. O que sairia mais barato para o município e mais útil para os alunos? Um PC para cada aluno que pode ter seus componentes atualizados ou um tablet?

Gente, vamos pensar um pouco. Pensar não dói.

Bookmark and Share