Encontro entre piscicultores, CETESB e CESP

Nesta quinta-feira, 8 de maio, o deputado Itamar Borges, presidente da Comissão de Atividades Econômicas da Assembleia Legislativa, promoveu em Santa Fé do Sul um encontro entre piscicultores, o diretor administrativo da CESP, Armando Shalders, o gerente da CETESB, Sílvio Beraldi, e outros representantes das duas instituições, além de prefeitos, vereadores e lideranças políticas da região.
Pela manhã, o parlamentar acompanhou piscicultores e os representantes do Estado em visita à pisciculturas localizadas no Rio Paraná, onde verificaram os atuais mecanismos de produção e detalhes do setor.
Mais tarde, uma reunião foi realizada com a presença de piscicultores, membros da CESP e CETESB, prefeitos, vereadores e lideranças de diversas cidades da região.
O encontro teve como objetivo aproximar os produtores dos representantes do Estado, e tratar de temas relevantes para a piscicultura, como a publicação do decreto para a simplificação do licenciamento do setor, e as condições do Rio Paraná, que passa por grande estiagem.
“Desde o ano passado trabalhamos junto com os piscicultores, as Secretarias do Meio Ambiente, Agricultura e Planejamento, além do Governador Alckmin, para a construção de soluções para o setor. Em breve o Governo do Estado deverá publicar o decreto que tanto aguardamos e que certamente beneficiará amplamente o setor”, afirmou o deputado Itamar.
O gerente da CETESB, Sílvio Beraldi, ressaltou a importância do equilíbrio ambiental. “Esse equilíbrio é interessante para todos, e precisa existir para que o próprio negócio seja sustentável. Acredito que o decreto que será publicado pelo Governador, que teve a participação de todos os lados envolvidos na questão, encontrará esse equilíbrio”, ressaltou o gerente.
Para Itamar Borges é fundamental incentivar a prática pesqueira em São Paulo. “Vivi o início da piscicultura na região como prefeito, agora vivo esse desenvolvimento do setor como deputado. A piscicultura gera emprego e renda e contribuiu para promover o desenvolvimento sustentável de nosso Estado. São Paulo possui todas as condições físicas, hidrográficas e climáticas favoráveis para o desenvolvimento da atividade pesqueira em condições competitivas com qualquer região do Brasil, além da capacidade técnica dos profissionais envolvidos”, afirmou o parlamentar.

Preocupação com o nível reservatório.

O deputado Itamar convidou o diretor da CESP, Armando Shalders, e outros representantes da empresa para tratarem de dois assuntos, o acesso a produção do peixe, que passa pela área desapropriada pela CESP, e a perspectiva do baixo nível do reservatório.
Segundo o diretor administrativo da CESP, Armando Shalders, o nível da represa está baixo, e existe a possibilidade de baixar ainda mais. “Infelizmente a falta de chuvas deixou o reservatório em um nível crítico, com perspectiva de baixar ainda mais”, informou.
Esse cenário serviu de alerta para os piscicultores, que terão que adequar a localização dos tanques para os próximos meses. “É hora de trabalharmos, e também de ajudarmos uns aos outros, até que essa situação melhore”, afirmou Emerson Esteves, presidente da Câmara Setorial de Pescado.
Participaram do encontro: o deputado Itamar Borges; os representantes da CESP, Armando Shalders, Milton Strela, Braz Magri e Milton Corsato; os representantes da CETESB, Jordão Domingues Pagani e Sílvio Beraldi; os prefeitos Armando (Santa Fé), Clevoci (Rubineia), Flavinho (Três Fronteiras), Walter Muller (Santa Rita) e Claudiomar (Santa Clara); o representante da CAT, Fernando Carmo; presidente da Câmara Setorial de Pescado, Emerson Esteves; o representante da APROPESCA, Ademir Pedrini; além de vice-prefeitos, vereadores, lideranças locais e piscicultores de toda a região.

Bookmark and Share